Usando Apple Mapas em Manaus

Originalmente publicado no blog do Trânsito Manaus no Portal D24AM.

Como parte da estratégia de depender cada vez menos de soluções do Google na área de mapas a Apple lançou, junto com a sexta versão de seu sistema operacional móvel, em Setembro de 2012, um aplicativo próprio para este fim.

Mapas no iOS – o Bing é webapp

Usando informações de GPS de parceiras como a Tom Tom, de soluções de código aberto como o Open Street Maps, além do know-how de empresas de mapeamento de relevo em 3D como a C3 Technologies (adquirida por US$ 240 milhões) dentre outras, a empresa da Maçã montou um banco de dados próprio, com mapas vetorizados, imagens de satélite por vezes mais recentes que a concorrência e construções tridimensionais de partes de algumas das maiores cidades do mundo (Flyover), tais como Nova York e São Francisco, nos EUA.

São Francisco e Nova York em modo Flyover no Apple Mapas

O curto tempo de desenvolvimento dessa ferramenta, entretanto, causou diversas críticas por parte de especialistas e usuários, que viram-se frustrados com resultados imprecisos em diversas situações. Recentemente algumas pessoas correram risco de vida ao utilizar o aplicativo para buscar o caminho para uma cidade na Austrália.

Neste último caso, a Apple se justificou informando que utilizou as coordenadas cedidas pela própria administração da região e, após a notificação da polícia local, corrigiu o problema. As notícias sobre o incidente causado pela empresa de Cupertino foram tantas que soterraram outras como a de que mais um departamento de polícia australiano notificou o Google na mesma semana por problemas semelhantes.

O mapa da Apple de fato possui muitas falhas, o que é de se esperar de uma solução em desenvolvimento há apenas um ano comparada às opções do Google ou da Microsoft (Bing Mapas), que possuem pelo menos 5 anos de constantes aperfeiçoamentos. Exemplos dessas falhas são diversas praças em Manaus identificadas pelo mapa nativo do iOS como parques.

Parque São Sebastião?

Dezenas de estabelecimentos comerciais estão posicionados em locais incorretos ou sequer existem. A última vez que a Praça da Matriz teve um posto de gasolina foi há mais de 50 anos.

TM História: Bomba de combustível ao lado da Praça da Matriz reaparece 60 anos no futuro em mapa da Apple.

E o bairro do Japiim, coitado, perdeu um i.

Japim: pressa?

Mas apesar de todos esses erros que afetam negativamente a experiência de usuário, o mapa da Apple também acerta em pontos que a concorrência ainda está deixando a desejar. Vamos apresentar 3 destes lugares em um comparativo realizado com 5 dos principais mapas para iOS. Lembrando que esta não é uma análise técnica, sujeita a ser totalmente diferente da sua experiência pessoal, estando sujeita também a ser comprometida por eventuais atualizações dos serviços. E que o Waze não possui imagens de satélite, em compensação é rapidamente atualizado pela comunidade.

Ponte Rio Negro

A ponte sobre o Rio Negro foi inaugurada em 24 de Outubro de 2011, ligando Manaus a Iranduba, Manacapuru e Novo Airão sem a necessidade de balsas. A exibição em cada um dos mapas ficou assim:

  • Apple Mapascom imagem e vetor.
  • Google Mapscom imagem parcial e sem vetor.
  • Here Mapssem imagem nem vetor.
  • Bing Mapscom imagem e vetor.
  • Wazecom vetor.

Ponte Rio Negro

Avenida José Lindoso (Avenida das Torres)

Inaugurada em 29 de Junho de 2010, a Avenida José Lindoso, conhecida popularmente como Avenida das Torres, interliga o Complexo Viário Gilberto Mestrinho à Cidade Nova de forma rápida e com poucos cruzamentos. É uma ótima alternativa de acesso à Zona Norte da cidade, desde que apareça no GPS daqueles que nunca trafegaram naquela região. A exibição em cada um dos mapas ficou assim:

  • Apple Mapascom imagem e vetor.
  • Google Mapscom imagem e sem vetor.
  • Here Mapssem imagem e com vetor.
  • Bing Mapscom imagem e vetor.
  • Wazecom vetor.

Avenida José Lindoso

Manauara Shopping

O maior shopping do norte do Brasil foi inaugurado em 7 de Abril de 2009 e a razão pela qual foi escolhido para compor esta lista é unicamente para mostrar que quem prefere usar os mapas da Apple pode até estar bem orientado, comparado a quem usar o Here Maps, já que as imagens deste mapa não mostram sequer um, das dezenas de buritizeiros destruídos pela obra do estabelecimento, derrubado (já estava desmatado, na verdade, mas, mesmo assim, a obra ainda não havia começado quando foi feita a última foto). O banco de imagens de satélite parece ser o mesmo que o Bing utilizava até pouco tempo atrás, mas que este agora já tratou de atualizar. A exibição em cada um dos mapas ficou assim:

  • Apple Mapas – com imagem e vetor das ruas ao redor.
  • Google Maps – com imagem e sem vetor das ruas ao redor.
  • Here Maps – sem imagem nem vetor das ruas ao redor.
  • Bing Maps – com imagem e sem vetor das ruas ao redor.
  • Waze – com vetor das ruas ao redor, inclusive com a nova nomenclatura.

Manauara

Especuladas para 2013 a função de instruções por voz (Siri) no Apple Mapas e as imagens de Manaus no Google Street View do recém lançado Google Maps para iOS prometem acirrar ainda mais a concorrência entre aplicativos de mapas na plataforma da Maçã. O mapa social Waze, apesar de não contar com imagens de satélite, possui função de instruções por voz e informações geralmente mais atualizadas que os demais, graças às contribuições dos próprios usuários.

O que você tem achado das soluções de mapas para plataformas móveis em Manaus? Como é a sua experiência com mapas em outras plataformas? Já faz parte do grupo do Trânsito Manaus no Waze? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe mais dicas com a gente.

About Steven Castro Conte

Eu sou um aprendiz.

6 responses to “Usando Apple Mapas em Manaus

  1. Usando Google Chrome Google Chrome 23.1.0.0 em um Windows Windows 7

    Muito interessante o texto.

    Sou usuário ativo do Waze e também já faço parte do grupo do Trânsito Manaus por lá (ao menos eu acho que sim rs).
    E até o presente momento eu usei o Waze, o Here maps, o Bing e o Google Maps. Ainda não tive oportunidade de usar o aplicativo de mapas da Apple.
    De fato o Here Maps é o menos confiável em termos de atualização. Já tinha identificado vários erros nele e esse foi um dos motivos que me fez desinstalá-lo do meu Smartphone.

    Hoje eu uso o Waze e estou satisfeito com os resultados que ele vem me mostrando.

    Parabéns pelo texto.

    • Rodrigo
      Usando iOS iOS 6.0.1

      E agora, que o corinthians ganhou no japão também, é bobeira comparar? Até ontem, era nós temos a pqp e vocês não têm nem estádio.
      Bando de bicha recatada.

  2. Pingback: Estive Dirigindo #02 - (Dr.) Conte

  3. Wagner Lima
    Usando Android Browser Android Browser em um Android Android 2.3.5

    Me surpreende não lembrarem o projeto Tracksource, em que atualizo o mapa de Manaus para uso em GPS da marca Garmin. Nenhum dos problemas mencionados existe no GPS de quem usa o mapa, tão comum e disponível com dezenas de informações sobre restaurantes, hotéis, quebra-molas, etc.

    • Usando Google Chrome Google Chrome 27.0.1453.110 em um Mac OS X Mac OS X 10.8.4

      Olá Wagner, obrigado pela dica.

      O Navigon ($49) parece ser o único app que comercializa os mapas do Brasil da Garmin para iOS e que, abastecida pelo Tracksource, deve contar com um dos bancos de dados sobre mapas mais completos do mercado.

      Por razões práticas, na época em que escrevi o post, me ative a testar soluções gratuitas que consegui acessar pelo celular.

      []s

      • Wagner Lima
        Usando Google Chrome Google Chrome 27.0.1453.110 em um Windows Windows XP

        Caro Steven,
        Embora o projeto seja originalmente voltado aos mapas do Garmin, dá pra usar o MapSource (baixa gratuito do site). O programa é uma solução que pode ser usada off-line, e o Navitel, que é compatível, tem versão para o Android.

        No link abaixo tem mais informações sobre o recurso.
        http://manausautorama.wordpress.com/2010/12/31/mapas-de-manaus-e-amazonas/

        Gostaria de poder contribuir mais. Apesar de eu usar transporte particular, sei da importância das informações disponíveis sobre ônibus no Trânsito Manaus. Parabéns a você, ao Luiz Eduardo Leal e à equipe pelo trabalho desenvolvido.

O que você pensa sobre isso?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Categorias

Passado

  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
  • 2008
  • 2007
Seguir

Receba atualizações do blog na sua caixa de entrada.

Basta inserir seu email